2017 – O Ano do Salto

O ano começou mansinho, mas nem tanto. Em sua essência, desde Dezembro já mostrava ao que veio, um ano de muito trabalho, muitos inícios e concretizações, tempos de colheita do que veio sendo plantado no último ciclo de 9 anos que se encerrou em 2016. Projetos, sonhos e programações que antes pareciam difíceis de chegar ou se estabelecer terão sua chance esse ano, mas não é só.

Finalmente atingimos o ponto que a energia índigo vinha esperando a tanto tempo, não de ruptura das estruturas arcaicas (que já estão acontecendo), mas de entrada das pessoas numa nova consciência de coletivo. A energia que chegou vem nos mostrar a importância de pararmos de olhar apenas para o eu individual para olharmos para o Eu Coletivo.

É chegado o momento de parar de apenas querer receber, de apenas cobrar que façam por nós, de apontar o dedo para aquele que não fez, mas também não fazer e ir até lá e arregaçar as mangas para promovermos nossas mudanças internas que afetam o coletivo, porque quanto melhor estou comigo mesma, melhor estou para os outros, melhores são meus frutos gerados e consequentemente isso se espalha como um raio de luz.

É chegado momento de pensar que jogar lixo não significa que me livrei dele, mas sim que isso foi transportado para outro lugar, mas que fim realmente fez? Foi benéfico seu fim? Podemos fazer melhor? É chegado momento de parar com “nós” contra “eles”, “os bons” x “os maus”, meu partido x o seu, porque somos todos uma sociedade e dentro de suas experiências de vida, suas perspectivas, seus sonhos, todos estão certos e tudo o que todos desejam é serem felizes, e agora é momento de vermos isso e nos unirmos como uma Comunidade Humana para darmos solução ao problemas ambientais, de alimentação contaminada, ar e água poluídos, indústrias que manipulam as informações, tornam pessoas doentes, escondem e mentem sobre as informações, controlam sua vida, tudo com o fim egoísta de manter o poder individual para poucos.

O momento vai pedir que tenhamos atitudes para assumir o poder como coletivo, como sociedade e não mais como cordeiros obedientes e subservientes nas mãos daqueles que detém o poder de decidir.

2017

Fácil? Não… Bonito? Sim, muito, mas vamos precisar tirar nossos traseiros do sofá e sair da frente da TV hipnótica e parar pra pensar em como fazer melhor para o todo, nossa família deixou de ser aqueles que moram conosco, mas passou a ser todos. Aquela mãe com o filho abandonado pelo machismo, o pai com a família embaixo da ponte que perdeu o emprego, o doente e o idoso abandonado no asilo, aquele que sofre de medo e fome na guerra, os que ainda vivenciam a escravidão, quem sofre violência dentro de sua própria casa… esses são apenas alguns dos que entraram para nossa família e se estamos passos a frente em nosso conforto, é hora de trabalhar para ajudar outros a terem também o privilégio que temos ou pelo menos melhorar a condição deles e dar chance para que possam caminhar e sair do poço onde estão.

Muitas vezes apenas para e ouvir verdadeiramente a dor e o problema do outro já é uma ajuda que talvez nem milhões poderiam trazer a uma pessoa. Curar a alma é o maior presente que alguém pode receber.

Então, prepare-se, 2017 chegou e veio com a energia que vai ficar, agora nos adaptamos e entramos ao que viemos ou seremos varridos junto com as velhas estruturas que cairão em desuso, juntamente com a mentalidade egoísta e individualista reinantes até então. Será muito trabalho, mas ele valerá a pena para termos uma sociedade mais justa e verdadeira com todos.

Deixo aqui dois vídeos que demonstram exatamente o que é esse salto individual para o coletivo.

Feliz 2017!

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s