Neurociência e a Aromaterapia

Nosso cérebro tem uma glândula minúscula, porém extremamente importante chamada Pineal, a qual é a responsável por produzir algumas substâncias, como a Melatonina (hormônio do sono) e a Dimetiltriptamina ou DMT, que é a responsável por permitir estados de supraconsciência, ou seja, é a substância ligada aos fenômenos de alteração da percepção de realidade do Sistema Nervoso Central. 

A DMT é encontrada in natura em muitas plantas e é produzida naturalmente em muitos animais, incluindo os seres humanos. Ainda não temos muitas informações quanto aos gatilhos que acionam essa produção e nem suas conexões e consequências pontuais às pessoas, mas o que se sabe é que essa substância nos permite ter acesso a dimensões subatômicas e outras realidades dimensionais, hoje estudas pela física quântica e pela neurociência.  Dimensões essas que, quando acionadas, impactam na realidade materializada em aspectos como a nossa saúde, ao modificar, por exemplo, padrões de pensamento e comportamentos inconscientes.

As jornadas meditativas com tambor xamânico, usado nos estudos da Aromaterapia Xamânica, facilitam o processo do organismo para acessar essa neuroquímica e a partir daí, nos permite ter informações internas para cura através dos óleos essenciais.  

Há pessoas que conseguem ir tão profundamente nos campos subconscientes com a Aromaterapia Xamânica, que acessam traumas de primeira infância ou mesmo de fatos ocorridos na gestação e nascimento. Por exemplo, tive uma paciente que quando no ventre materno estava em posição sentada e as cesarianas não eram acessíveis como hoje, então foi um parto difícil com uma experiência de quase morte para ela, mas que era desconhecida até então. O tratamento foi feito dentro dos campos morfogenéticos (ou dimensões subconscientes de nível subatômico) e ao terminar a sessão, ela conversou com a mãe sobre o que havia acontecido no consultório e, então a mãe contou sobre o nascimento dela e tudo fez sentido.

Essa paciente tinha um problema de ganho de peso excessivo e um padrão de rejeição muito grande que se iniciou nesse momento do parto, onde ela, como bebê, não se sentiu bem vinda ao mundo por quase ter morrido. Claro que a cura de um padrão tão profundo não se dá com apenas uma sessão, porque esse trauma inicial gera uma cadeia de traumas sucessivos correlacionados e a limpeza e reorganização emocional deles acontece pouco a pouco, portanto, tenha em mente que é um processo de autoconhecimento que depende do seu empenho. Nem tudo vem na velocidade e no dia que queremos. A vida tem seu ritmo que é diferente do nosso.

Duas curiosidades sobre a glândula pineal, responsável por nos permitir essas curas: a ilustração do olho de Hórus é o desenho dela e também, René Descartes a chamou de “trono de Deus”. O excesso de flúor, cálcio e alimentos ultra processados, pode endurecer essa glândula e afetar não apenas os ciclos de sono e vigília, mas acentuar quadros de ansiedade e depressão. 

A Pineal e seus hormonios, são essenciais para mantermos o equilíbrio emocional e uma boa saúde psicológica e espiritual e ao termos como hábito o uso da aromaterapia, temos a nossa disposição uma ferramenta eficiente para manter a Pineal saudável, visto que os óleos essenciais tem grande facilidade em penetrar a barreira hematoencefálica (BHE) e chegar ao Sistema Nervoso Central (SNC) permitindo, assim, levar substâncias curadoras para nossas células neurais e para o Sistema Límbico, que irá interagir com suas moléculas para reorganizar e ressignificar emoções ali armazenadas.

É um casamento perfeito para a cura e mudança interior quando unimos a essência das plantas com as neuroquímicas em aspectos que impactam todos os aspectos de vida de uma pessoa.

Grande abraço,

Stela Kiill 

#dmt #pineal #neurociencia #dimetiltriptamina 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s